Teste de Personalidade

Você conhece a Tipologia Junguiana?


Como funciona o Teste de Personalidade?


O teste de personalidade é muito fácil de ser aplicado. Isso é feito por meio da análise de respostas de um questionário, existem diversos nomes comerciais no mercado com base na mesma teoria Junguiana, tais como MBTI, DISC, KERSEY e outros.

Cada pergunta deve ser respondida de acordo com uma escala como esta:

  • Concordo totalmente;

  • Concordo em parte;

  • Indiferente;

  • Discordo em parte;

  • Discordo totalmente.

Os resultados consistem em uma combinação de 4 letras, dentre 8 possíveis, que definem uma classificação lógica de cada tipo de personalidade.

Cada letra é proveniente de 4 dimensões dicotômicas (o que será isso? ).

Já te explico: são duas opções de resposta para cada uma das 4 características que compõem as personalidade das pessoas, veja:


As 4 dimensões do teste de Personalidade e as 2 possíveis classificações de cada uma:


1- Fonte de energia ou MUNDO FAVORITO

Extrovertidos (E): indivíduo que se sente energizado através da interação com outras pessoas, geralmente agem antes de pensar. Introvertidos (I): aquele que se sente energizado pelo engajamento em atividades solitárias, preferem refletir muito antes de qualquer ação.

2-  Modo de perceber o mundo OU BUSCAR INFORMAÇÃO

Sensoriais (S): consciência voltada para o que existe de concreto, àquilo que pode ser percebido através dos 5 sentidos.

Intuitivo (N): consciência voltada ao abstrato, ao lado simbólico, ao intangível.

3- Maneira de avaliação, julgamento, organização ou TOMAR DECISÃO

Racionalistas (T): concisos, atuam de maneira lógica, organizada e objetiva; sempre buscam argumentos racionais.

Sentimentais (F): baseiam-se em critérios subjetivos, como valores e preferências, levando em consideração necessidades humanas e decidindo “com o coração”.

4-Estilo de vida

Julgadores (J): Decisivos, preferem seguir regras claras e viver de maneira mais planejada, estruturada. Sentem tranquilidade quando decisões são tomadas.

Perceptivos (P): gostam de liberdade, de improvisações. Dão preferência a uma vida com maior flexibilidade, adaptável. Sentem tranquilidade quando apresentam opções em aberto.


Assim, de acordo com as respostas às questões, cada pessoa receberá a letra referente a uma característica.

Por exemplo, no quesito fonte de energia, uma pessoa irá ser definida como E (de extrovertida) ou I (de introvertida).

E assim será, sucessivamente, recebendo uma letra associada a cada uma das outras dimensões.

Ao final, receberá um conjunto de 4 letras, que indicará a personalidade da pessoa.

Por exemplo, alguém que tenha obtido a combinação INTP é mais Introvertida (I), Intuitiva (N), Racionalista (T) e Perceptiva (P).

Dessa forma, considerando as 4 dimensões e suas combinações, existiria um total de 16 personalidades diferentes.

Mas o importante não são as letras ou como se dá a classificação. O que importa nessa hora é saber interpretar quem você é e usar isso da melhor forma ao lidar com as outras pessoas, a famosa inteligência emocional.


As 16 Personalidades do Teste


Muito bem, chegou a hora de colocar o teste para ser usado na prática!

É importante você conhecer as 16 personalidades resultam das combinações de letras. e seus pontos fortes e fracos.

E é fácil entender cada uma delas porque são associadas a arquétipos, personagens do imaginário coletivo que nos ajudam a interpretar o jeito de ser de cada uma delas.

Para começar são divididas em 4 grupos:

  • Analistas

  • Diplomatas

  • Sentinelas

  • Exploradores

Reparou como é intuitivo perceber as características gerais de cada grupo?

E para cada um desses grupos, existem mais 4 tipos de personalidades, também com nomes criativos, que representam arquétipos derivados dos estudos de Jung.

Ficou complicado de entender?

Confira cada um dos tipos de personalidades que as coisas se esclarecerão facilmente.

Você até pode começar a tentar classificar seus amigos e colegas com base nesses 16 tipos de personalidades para interagir e se relacionar melhor com eles.

Entre parênteses, estão as combinações das 4 letras referentes a cada um dos itens avaliados nas tais “dimensões dicotômicas”.

Analistas



São os pragmáticos, também chamados de racionais.

1. Arquiteto (INTJ)

Têm alta criatividade, são estrategistas, ambiciosos e tem um plano para tudo. São muito raros – estima-se que compõem apenas 2% da população mundial.

Exemplos famosos: Michelle Obama, Vladimir Putin, Friedrich Nietzsche.

2. Lógico (INTP)

São muito inventivos, criativos, considerados os mais logicamente precisos das 16 personalidades.

É o grupo que envolve os responsáveis pelas principais descobertas científicas da História.

Constituem apenas 3% da população.

Exemplos famosos: Bill Gates, Albert Einstein, Isaac Newton.

3. Comandante (ENTJ)

São os líderes muito enérgicos, ousados e criativos.

Carismáticos e confiantes, são extremamente racionais.

Formam apenas 3% da população.

Exemplos: Steve Jobs, Margaret Thatcher, Francis J. Underwood (personagem de  “House of Cards”).

4. Inovador (ENTP)

Pessoas muito espertas e curiosas. Estão sempre buscando por desafios, pois têm como meta adquirir novos conhecimentos, adorando processos de discussão mental.

Exemplos: Tom Hanks, Thomas Edison, “O Coringa” (personagem do Batman).


Diplomatas



O grupo dos diplomatas também pode ser chamado de “idealistas”.

5. Advogado (INFJ)

Idealistas, místicos, mas capazes de tomar medidas concretas para alcançar seus objetivos.

Com opiniões fortes, buscam aquilo que acreditam, tentando sempre impactar positivamente os que estão à sua volta.

É a considerada personalidade mais rara, já que representa menos de 1% da população mundial.

Exemplos: Nelson Mandela, Madre Teresa de Calcutá, Martin Luther King, Goethe.

6. Mediador (INFP)

Tímidos, altruístas, idealistas. Buscam sempre enxergar o melhor lado de qualquer situação.

São mais calmos e reservados, guiados por seus princípios.

São 4% do total de pessoas no mundo.

Exemplos: William Shakespeare, Julia Roberts, Frodo (personagem de “Senhor dos Anéis”).

7. Protagonista (ENFJ)

Líderes com muito carisma, capazes de inspirar sua audiência. Altruístas, são bons comunicadores e tendem a confiar demais nas pessoas.

São aproximadamente 2% da população.

Exemplos: Barack Obama, Oprah Winfrey, Daenerys Targaryen (personagem de “Game of Thrones”).

8. Ativista (ENFP)

Criativos, cheios de entusiasmo e sociáveis. Independentes, são considerados verdadeiros “espíritos livres”.

Representam 7% da população.

Exemplos: Will Smith, Quentin Tarantino, Robert Downey Jr.


Sentinelas